Policial voltar para a home

Policia encontra carro usado em assalto a transportadora em chamas Policia encontra carro usado em assalto a transportadora em chamas

A transportadora Rodomaior, na BR-163, no rodoanel de Campo Grande foi assaltada por volta das 4h40min desta terça-feira (8).

O carro usado pelo bandidos foi encontrado queimado na manhã de hoje Foto: Bruno Henrique / Correio do Estado

Segundo informações da Polícia Militar, a dupla chegou ao local em um Chevette branco e usando o uniforme da empresa. O carona desceu do carro e rendeu o vigia e o motorista, que chegavam para trabalhar.

Eles amarraram as vítimas e quebraram duas portas de vidro da empresa. De repente, o alarme disparou e eles fugiram deixando os dois funcionários amarrados em uma corda.

As câmeras flagraram o momento em que a dupla entrou e saiu do local lenado um cofre.

Ainda segundo a polícia, eles se feriram ao quebrar a porta, pois havia muito sangue espalhado pelo chão.

Dirigentes da transportadora contaram à polícia que cerca de R$ 12 mil estavam no cofre levado pelos bandidos

O Chevette, placas HRH 6956, de São Gabriel do Oeste, usado no assalto foi encontrado queimado por volta das 9 horas no anel viário, ao lado do lixão, em Campo Grande.

A Polícia Civil investiga o caso, que foi registrado no 4° Distrito Policial (DP).

Ladrões usam uniforme de funcionários para assaltar empresa de transporte na Capital Ladrões usam uniforme de funcionários para assaltar empresa de transporte na Capital

Armados e com o uniforme da empresa, dois ladrões renderam funcionários e invadiram uma transportadora na madrugada de hoje (8) no bairro Itamaracá, na saída para São Paulo, aqui na Capital. Eles mantiveram amarrados um vigia e um motorista por cerca de 40 minutos, tempo suficiente para a ação.

Segundo informações da Polícia Militar, a dupla chegou ao local em um Chevette branco e usando o uniforme da empresa. O carona desceu do carro e rendeu o vigia e o motorista, que chegavam para trabalhar.

Eles amarraram as vítimas e quebraram duas portas de vidro da empresa. De repente, o alarme disparou e eles fugiram deixando os dois funcionários amarrados em uma corda.

As câmeras flagraram o momento em que a dupla entrou e saiu do local. Já as vítimas ficaram amaradas por cerca de 40 minutos. Ainda segundo a polícia, eles se feriram ao quebrar a porta, pois havia muito sangue espalhado pelo chão.

O primeiro levantamento da polícia é de que um carro e um cofre da empresa foram levados pelos ladrões. Uma das suspeitas da polícia é de que eles sejam ex-funcionários da empresa.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Policial é baleado após arma travar na tentativa de impedir assalto na Capital Policial é baleado após arma travar na tentativa de impedir assalto na Capital

O soldado da Polícia Militar (PM) Wagner Pinheiro da Silva,, de 30 anos, foi baleado após tentar impedir um assalto, na noite de domingo (7), no Jardim Panamá, região noroeste de Campo Grande.

Sorveteria fica localizada na avenida Júlio de Castilho, em Campo Grande. (Foto: Gustavo Arakaki/G1 MS)

Conforme boletim de ocorrência, o policial viu um homem tentando roubar a Sorveteria Jeito Frio, na Avenida Júlio de Castilhoe e tentou atirar, mas a arma dele travou. Com isso, o suspeito feriu o militar com dois disparos.

Segundo relatos da vítima aos policiais que atenderam a ocorrência, ela havia acabado de chegar ao local, sentou em uma cadeira e percebeu que um rapaz suspeito chegava pela rua lateral portando um revólver. Ele tentou a reação e buscou se esconder ao perceber a falha no armamento, mas foi atingido no tórax.

Mesmo ferido, o policial conseguiu destravar a arma e reagiu novamente contra o suspeito que, conforme relatos de testemunhas, subiu na garupa de uma motocicleta da cor prata e fugiu com outro rapaz que conduzia o veículo.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e atendeu o soldado que foi conduzido à Santa Casa. Conforme informações do hospital, o estado de saúde dele é estável e ele aguarda por cirurgia.

O caso foi registrado como homicídio doloso na forma tentada na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do Centro. Ainda de acordo com a polícia, câmeras de segurança instaladas no local poderão ajudar nas investigações.

 Com Informações G1

 

Decretada prisão preventiva dos dois acusados de matar delegado Decretada prisão preventiva dos dois acusados de matar delegado

O juiz titular da 2ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande, Aluízio Pereira dos Santos, concedeu, neste sábado (5), a prisão preventiva do guarda municipal e do segurança acusados de envolvimento no assassinato do delegado aposentado e advogado Paulo Magalhães. O crime ocorreu no dia 25 de junho de 2013.

O vigilante Antônio Benites está preso temporariamente Foto: Paulo Ribas / Correio do Estado

Os dois acusados estão presos há mais de um mês e a prisão temporária venceria no domingo (6). No fim da tarde de sexta-feira (4), o promotor de Justiça Humberto Lapa Ferri ofereceu denúncia contra eles.

O guarda municipal e o segurança vão responder processo por homicídio duplamente qualificado e formação de quadrilha. O segundo foi denunciado ainda por coação no curso do processo, por ter feito ameaças à pessoa que vendeu a ele a moto que teria sido usada no crime.

O advogado do guarda municipal, Renê Siufi, disse que ainda não tomou conhecimento da decisão da Justiça. Já o advogado do segurança não foi localizado para falar sobre o caso.

G1
Polícia prende quatro sequestradores e resgata vítimas na capital Polícia prende quatro sequestradores e resgata vítimas na capital

Policiais Militares do Batalhão de Polícia de Choque prenderam nesta madrugada (5) quatro pessoas acusadas de envolvimento em sequestro e cárcere privado.

Homens foram presos na madrugada de hoje Foto Minamar Junior / midiamax.com

A mesma equipe também apreendeu uma caminhonete S-10 roubada e resgatou quatro vítimas que estavam em poder dos bandidos em um matagal.

Todos os presos foram levados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga, em Campo Grande. São eles: Fábio Luiz Almeida de Jesus, Régis Vicente e Edinei Garcia, esses dois últimos evadidos da Colônia Penal.

O menor de 17 anos, foi apreendido, ele estava com uma motocicleta roubada. Segundo a polícia, a caminhonete seria levada para o Paraguai e trocada por drogas.

CASO

Por volta das 22h30 de ontem (4), uma família teve a caminhonete roubada próximo à Uniderp Agrárias, em Campo Grande, e ficou refém dos bandidos durante aproximadamente 6 horas.

Na S-10 estavam quatro pessoas, sendo três mulheres e um homem. Após o assalto, a família foi levada até a estrada Três Barras, próximo ao aeroporto Santa Maria, na Capital, onde ficou refém sendo vigiada por dois bandidos.

O roubo foi descoberto durante fiscalização de rotina da Rotac/Choque, que abordou a caminhonete na avenida Guaicurus, na manhã de hoje.

A polícia tentou fazer uma abordagem, mas os homens tentaram fugir e acabaram batendo em um muro. Mesmo após a batida os bandidos tentaram fugir a pé, mas foram detidos.

Enquanto isso, no cativeiro as mulheres e o tio de uma delas conseguiram se soltar e correram por um pasto, até encontrarem uma casa e ligarem para a polícia. Nesse meio tempo os dois bandidos que cuidavam dos reféns no mato conseguiram fugir e ainda não foram encontrados.

Dois dedos humanos são encontrados na Avenida Salgado Filho Dois dedos humanos são encontrados na Avenida Salgado Filho

Dois restos de dedos do pé foram encontrados na avenida Salgado Filho, na manhã deste sábado (5), em Campo Grande. Uma equipe da pericia está no local.

Dedos foram encontrados na avenida Salgado Filho Foto Minamar Junior / midiamax.com

Os dedos serão recolhidos e encaminhados para o IMOL (Instituto Médico Odontológico Legal) e a policia vai verificar se foram decepados, se ocorreu um acidente ou outra situação.

O delegado Marcio Custódio, plantonista da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro, chegou na avenida, entre o Viaduto e a rua dos Barbosas, e disse que a policia civil também vai fazer um levantamento na rede de saúde para se ver se ouve algum atendimento de pessoas que perderam os dedos dos pés.

Os dedos serão recolhidos e encaminhados para o IMOL Foto Minamar Junior
/ midiamax.com

O perito, que não quis se identificar, considerou a situação esquisita, segundo ele, geralmente quando são acionados é para periciar corpo inteiro. Ele afirmou não saber quais os procedimentos nestes casos.

Estelionatário foragido é preso em Campo Grande Estelionatário foragido é preso em Campo Grande

Ciander Garcia de Oliveira, de 24 anos, que estava foragido da Colônia Penal Agrícola de Campo Grande, desde o mês de março foi preso por investigadores do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros), no Jardim São Lourenço, na Capital.

Ciander ainda possui diversas passagens na polícia Foto: Divulgação

No ato da prisão, realizada no último dia 30 de setembro, Ciander portava uma pistola 380 e apresentou aos policiais documento falso com o nome de Marcos dos Santos Pereira. O acusado que tinha em aberto 3 mandados de prisão, expedidos em processos nos quais é acusado de estelionato, foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido e uso de documento falso.

Ciander ainda possui diversas passagens na polícia por porte ilegal de arma, estelionato, furto, falsidade ideológica e dano. Agora os policiais do Garras realizam investigações para descobrir em que atividades ele esteve envolvido após a fuga da Colônia Penal.

Filha de ex-policial vítima de estupro diz na delegacia que crime não ocorreu Filha de ex-policial vítima de estupro diz na delegacia que crime não ocorreu

Uma ex-policial Civil, de 63 anos anos, contou para a polícia que teve a casa invadida por dois homens armados por volta das 15h de quinta-feira (3) e que foi estuprada por um deles. O crime teria acontecido na Chácara dos Poderes, em Campo Grande. No entanto, a filha não confirma a versão da mãe.

Segundo a Polícia Civil, que entrou em contato com a família, a filha disse que não havia marcas de violência no corpo da mãe, bem como qualquer sinal de roubo.

A suposta vítima, que chegou a exercer a função de policial Civil, mas pediu exoneração em março de 1996, relatou que depois de tomar um remédio forte dormiu no sofá. Ao acordar, se deparou com dois homens encapuzados e de boné. Eles estavam armados e anunciaram o assalto. Enquanto um procurava pertences, o outro a teria estuprado .

Quando o marido, que também pediu exoneração da Polícia Civil em junho de 1997, chegou no local encontrou a mulher dormindo no sofá. O casal então procurou a polícia para contar o fato. Atualmente, marido e mulher são comerciantes

A filha, que também esteve na delegacia, alega que a versão da mãe não é verdadeira. Ela justificou que a mulher toma remédio controlado e tem problema de saúde. Explicou ainda que a mãe não apresentava qualquer lesão e que a casa estava arrumada

A mulher ainda não realizou os exames de corpo de delito. Como o B.O anda não foi feito a Policia Civil não pode ir a casa fazer a pericia nem iniciar a investigação.

 

Cachaçada e piadas de mau gosto causam briga entre primos, um é esfaqueado Cachaçada e piadas de mau gosto causam briga entre primos, um é esfaqueado

Uma briga entre primos na noite de ontem no bairro Universitário, na Capital, terminou com um deles ferido. Adriano Ribeiro Santana, de 22 anos, esfaqueou Wilton Borges Leal, de 34, porque, segundo ele, o primo estaria fazendo chacota por ele ter acabado um relacionamento.

A confusão aconteceu por volta das 23 horas de ontem (3) na rua Elvira Pacheco Sampaio.

De acordo com o BO (Boletim de ocorrência), os primos são naturais do Piauí e teriam vindo para Campo Grande prestar serviços para uma construtora e ambos moravam juntos. Eles bebiam em um bar próximo a casa onde moram quando o desentendimento começou.

Segundo a versão do autor da agressão, o primo começou a fazer piadas sobre o fato de ele ter acabado com um relacionamento com uma moça do Piauí, motivo pelo qual se armaram com facas e começaram a se agredir.

A vítima apresentava ferimentos no escoço, axilas, abdômen e nas costas.

O Corpo de Bombeiros foi chamado e levou Wilton para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Universitário. Já Adriano ainda tentou fugir, mas acabou se entregado espontaneamente à polícia.

Os policiais encontraram as duas facas no local da briga, mas apenas uma estava ensanguentada e sem o cabo. Adriano foi detido e encaminhado à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Piratininga.

Garota de programa foi morta por que quebou duas garrafas de champanhe Garota de programa foi morta por que quebou duas garrafas de champanhe

Nesta manhã o proprietário da boate Paraíso no Jardim Colúmbia, Fernando Augusto dos Reis Guimarães, 24 anos, foi apresentado à imprensa. De acordo com o delegado da 3ª Delegacia de Polícia, Fábio Sampaio., ele e José Carlos da Silva, o Beto, 26 anos, assumiram a autoria do crime, mas não demonstraram nenhum arrependimento.

Fernando (à esquerda) contou que degolou Viviane com ajuda do amigo José Carlos (à direita) Foto Minamar Junior / midiamax.com

Os dois são acusados do assassinato da garota de programa Viviane Rodrigues de Matos, 31 anos, ocorrido no dia 6 de setembro deste ano, cujo corpo foi encontrado em chamas no Jardim Veraneio.

A vítima trabalhava na boate e foi morta porque, ao dançar sobre algumas caixas, quebrou duas garrafas de champanhe. Segundo o delegado, Augusto contou que na noite de quinta-feira (5) haviam muitas pessoas na boate e todos ingeriram grande quantidade de bebidas alcoólicas. “Em dado momento a vítima teria subido no caixa da boate para dançar, tendo desobedecido a ordem de descida dada pelo dono da boate”, explica o delegado.

Conforme Sampaio, o dono da Boate, na noite do crime, trancou a esposa no quarto às 3h10, e disse a ela que iria a uma festa. Ele ficou fora de casa até às 5h30, quando retornou e liberou a mulher.

Neste período, conforme a Polícia, Fernando e Beto pegaram Viviane para dar uma surra. Eles entraram no quarto da jovem e deram uma porretada na cabeça dela, a vítima ficou desacordada, teve sangramento e foi colocada no porta malas do Corsa, cor branca.

A Polícia Civil informou ainda que os suspeitos relataram que ao chegarem no bairro, degolaram a mulher e colocaram fogo no corpo. Quando a polícia foi acionada, no início da manhã daquele dia, ainda havia chamas.

Ontem os acusados levaram os policiais civis em um matagal próximo ao Jardim Veraneio e apontaram o local onde a faca e a bolsa da vítima foram dispensados. “Tivemos sorte, encontramos e apreendemos tudo”, comemora o delegado Fábio Sampaio.

“O carro tinha sido vendido para terceiros, nós conseguimos apreender e por sorte ainda não tinha sido lavado e tem visíveis marcas de sangue”, diz Sampaio que ainda solicitou exame com luminol que constatou a existência de vestígios de sangue no local.

INVESTIGAÇÃO

Fernando estava certo de que o assassinato da garota de programa ficaria impune. Tão convicto de que não seria descoberto, ele passou a colaborar com os policiais. Permitiu acesso irrestrito à boate, atendia todas as ligações e ainda prestou quatro depoimentos na 3ª DP. “Ele disse que achou que nunca seria pego, que sairia impune do crime”, garante o delegado.

A Polícia Civil fará, às 14h desta quarta-feira (2), a reprodução simulada do assassinato.

O trabalho da equipe da 3ª Delegacia da Capital terá início na Boate Paraíso, no Jardim Colúmbia, local onde a vítima trabalhava.

 

Informação e Contato

O Jornal MS é focado em conteúdo de notícias gerais, políticas, policiais, automotivas, tecnológicas, serviços, entretenimento, esportes, além de vídeos compartilhados.

Notícias do Mato Grosso do Sul e do mundo!

Redes Sociais

Categorias mais populares