Vídeos voltar para a home

Luciano Huck grava no Rio Aquidauana e elogia: ‘lugar lindão’ Luciano Huck grava no Rio Aquidauana e elogia: ‘lugar lindão’

Quando chegou a Aquidauana, na manhã desta quinta-feira (06), Luciano Huck encontrou o mesmo sol forte e as temperaturas elevadas da primeira passagem pela cidade, no dia 17 de outubro. Porém, desta vez, contrariando até mesmo a previsão do tempo, a chuva veio junto com o apresentador e amenizou um pouco o calor na Princesa do Sul.

Antes da chuva: Luciano Huck grava no Rio Aquidauana (Foto: Rhobson T. Lima / O Pantaneiro)

Luciano Huck está em Aquidauana para a entrega da sede oficial do projeto “Adote 1 Atleta”, criado pelo agente penitenciário Claudio dos Reis Alviço, que foi selecionado para participar do quadro “Um Por Todos e Todos Por Um”, do “Caldeirão do Huck”.

O 1º Subgrupamento de Bombeiros apoiou a gravação, com o sargento Paulo Rogério, o cabo Paes e o soldado Dalton garantindo a segurança da equipe de Luciano Huck no Rio Aquidauana.

O Pantaneiro
7ª estapa doi Estadual de Jiu-Jitsu ferveu o Círculo Militar em Campo Grande 7ª estapa doi Estadual de Jiu-Jitsu ferveu o Círculo Militar em Campo Grande

Foi realizado, no último domingo dia 19 de outubro o II Mega campeonato Estadual, onde aconteceu a 7ª etapa do Circuito da FJJD-MS (Federação de Jiu-Jitsu Desportivo do Estado do Mato Grosso do Sul).

CLIQUE NA FOTO ABAIXO E VEJA O VÍDEO DA LUTA FINAL DOS PESOS LEVES (VETERANO), ONDE KINHO SAGROU-SE CAMPEÃO.

O evento realizado pelo Professor Fábio Rocha, foi sem duvida o MAIOR EVENTO DE JIU-JITSU do Estado, com a presença de mais de 400 atletas, de varias cidades.

A equipe Fight Sports Guerreiros do Amanhã, foi a grande campeã, seguida de perto pela GFTeam. O evento teve inicio as 09:00 com a competição infantil, teve o show do festival kids, com crianças de 04 a 07 anos e seguiu até o final da tarde com um show de jiu-jitsu.

Foto Nah Rondoura

Os atletas e o publico de mais de 1000 pessoas que lotaram o Ginásio do Circulo Militar de Campo Grande, deram um show para o esporte.

Torcida ficou empolgada no Círculo Militar  Foto Nah Rondoura

O Circuito FJJD-MS, terá sua ultima etapa no dia 07 de dezembro com o Galáticos Ouro Qualifier, a etapa final será a mais esperada, pois além de consagrar os campeões individuais das categorias, terá premiação em dinheiro para os campeões absolutos, premiação em dinheiro para as equipes campeãs e dará uma moto 0km, para equipe que somou mais pontos no circuito.

Classificação das equipes:

1° Fight Sports: 221
2° GFTeam: 193
3° Gracie Barra Pantanal: 168
4° Brunão JJ: 166
5° China JJ: 108
6° Gracie Barra CG: 69
7° Academia Combat: 44
8° Black Nose: 24
9° Força Paralela: 23
10° Tom Top Team: 20
11° Claudionor Cardoso: 18
12° Rezek JJ: 18

Fotos Nah Rondoura

Realização FJJD-MS

Contato Professor Fábio Rocha – Cel 9170 9773

 

Caminhão carregado com pluma pega fogo na BR-163 Caminhão carregado com pluma pega fogo na BR-163

Um caminhão pegou fogo na manhã desta sexta-feira (10), na rodovia BR-163, aproximadamente 70 quilômetros da cidade de Bandeirantes. Segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal), uma equipe já se deslocou até o local.


Duas viaturas do Corpo de Bombeiros também foram enviadas para atender a ocorrência, que aconteceu no quilômetro 560 da rodovia.

As primeiras informações que chegam são de que o caminhão está carregado com plumas. Até o momento, não se sabe se há vítimas e também as causas do acidente.

Ana Hickmann discute com assessor no Programa da Tarde e chora ao vivo Ana Hickmann discute com assessor no Programa da Tarde e chora ao vivo

Apresentadora não gostou de insinuação no Programa Tarde

Rio – Ana Hickmann se irritou com um assessor de imprensa da Prefeitura de São Bernardo do Campo, em São Paulo, na tarde desta sexta-feira, durante o Programa da Tarde, da Rede Record. A apresentadora chorou quando o assessor insinuou que ela teria relações com um deputado. “Você trabalha com algum político, Ana? Parece que eu já ouvi seu nome em algum lugar, ligado a algum parlamentar”, questionou o assessor.

“Não entendi a parte que ele falou de parlamentar”, disse Hickmann, que foi consolada por Britto Jr. e Ticiane Pinheiro.

Substituto de Russomanno no quadro Patrulha do Consumidor, o advogado Sérgio Tannuri se irritou. “O que você falou da Ana Hickmann não procede, e a Patrulha do Consumidor tem compromisso com a verdade, sem partidarismo”.

O quadro mostrava o caso da diarista Joana, que mora em São Bernardo do Campo e não consegue tratamento médico para a filha, Ariane, que sofre de encefalopatia.

O DIA
Após dancinha, ‘MC Mano Leke Leke’ ganha homenagem em vídeo do Timão Após dancinha, ‘MC Mano Leke Leke’ ganha homenagem em vídeo do Timão

Mano Menezes comemorou gols contra o Galo, pela Copa do Brasil, pulando e dançando na beira do gramado da Arena

São Paulo – A felicidade de Mano Menezes, depois do segundo gol do Corinthians, foi tão eminente que o treinador do Timão fez uma dancinha hilária na beira do gramado. Logo, as imagens ganharam à Internet e a atitude do comandante alvinegro foi até tachada de gozação ao adversário derrotado por 2 a 0, em jogo válido pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Mas nesta quinta-feira, quem entrou na onda da dancinha do Mano, foi o YouTube do Corinthians. O perfil oficial do time do Parque São Jorge publicou uma montagem intitulada de ‘MC Mano – Leke leke’. Confira.

 O DIA
Cabo arrebenta e frustra primeira tentativa de resgatar barco naufragado Cabo arrebenta e frustra primeira tentativa de resgatar barco naufragado

Falhou a primeira tentativa de resgatar o Barco Hotel Sonho do Pantanal, que naufragou na última quarta-feira (24), no Rio Paraguai, em Porto Murtinho (MS), durante uma tempestade.

Foto Reprodução

Os cabos do guindaste que estavam sendo utilizados para içar a embarcação se romperam nesta manhã, mas os trabalhos continuam.

O naufrágio vitimou 14 pessoas, sendo 11 turistas e três paraguaios tripulantes. Os corpos de três vítimas ainda não foram localizados.

A expectativa é de que estejam nos compartimentos da embarcação.

Veja abaixo o vídeo que mostra o momento em que o cabo se rompe, durante o resgate.

Vídeo: Motorista se assusta com buzina e invade padaria Vídeo: Motorista se assusta com buzina e invade padaria

Uma jovem de 19 anos atravessava a avenida Melvin Jones, seguindo pela Major Capilé, em Dourados, quando teria entrado na frente de uma camioneta.

O motorista do veículo buzinou e a jovem teria se assustado e, ao invés de pisar no freio, acertou o pedal do acelerador, indo parar dentro de uma padaria que fica na esquina.

Uma mulher de 40 anos ficou ferida e foi socorrida e a jovem entrou em estado de choque e também precisou de atendimento. O caso ocorreu na tarde de ontem, por volta das 17h. O dono do estabelecimento informou que o prejuízo é de pelo menos R$ 10 mil, já que a mesa com computador e aparelhos do caixa foram arrastados pelo carro.

Com Informações Dourados Agora
Vídeo: Justiça Eleitoral libera jingle de artistas em apoio a Reinaldo Azambuja Vídeo: Justiça Eleitoral libera jingle de artistas em apoio a Reinaldo Azambuja

Gravado voluntariamente por artistas sertanejos que querem uma mudança de verdade em Mato Grosso do Sul, o clipe com o jingle do candidato Reinaldo Azambuja (PSDB) foi liberado na tarde de segunda-feira (23) pelo (TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral).

Por maioria, o Pleno do Tribunal acolheu integralmente o recurso da Coligação Novo Tempo e autorizou a divulgação do “Jingle da Mudança”, no programa eleitoral e nas redes sociais. A proibição à exibição da música durava mais de 30 dias.

Em 14 de agosto, o TRE-MS, em representação ajuizada pela coligação do PMDB, determinou primeiro a retirada do vídeo das redes sociais. Depois, confirmou a sentença para impedir a divulgação do material na propaganda eleitoral de rádio e TV do candidato tucano.

Entre os talentos que gravaram o clipe em apoio a Azambuja está a dupla Munhoz e Mariano, do hit “Camaro Amarelo”.

O time também é formado pelas duplas Gilson e Júnior, Patrícia e Adriana, Thiago e Graciano, Pedro Henrique e Fernando, além de Loubet e Maria Izabel.

A gravação dos artistas cantando o “Jingle da Mudança” foi lançada primeiro nas redes sociais, em 12 de agosto. Em apenas um dia, o vídeo foi visualizado por mais de 35 mil internautas e recebeu cerca de 550 compartilhamentos.

Vídeo de leoa abraçando socorrista que a salvou faz sucesso na web Vídeo de leoa abraçando socorrista que a salvou faz sucesso na web

Um vídeo que mostra a leoa Sirga abraçando o conservacionista Valentin Gruener faz sucesso na web. A gravação feita em um centro de vida selvagem em Maun, em Botsuana, mostra a leoa demonstrando carinho e afeto por Gruener depois que ele abre sua jaula.

Sirga mostrou toda sua gratidão, já que Valentin Gruener e Mikkel Legarth resgataram a leoa quando ela ainda era filhote.

A cena foi filmada pelo professor John Hawkins quando ele visitava o projeto em Botsuana. O momento carinhoso protagonizado por Sirga e Gruener ganhou destaque no YouTube, alcançando mais de 2,5 milhões de visualizações.

Apresentação escolar com Hino Nacional em versão funk causa polêmica na web Apresentação escolar com Hino Nacional em versão funk causa polêmica na web

Uma apresentação dos alunos da Escola Senador Humberto Lucena, em Cacimba de Dentro, no interior da Paraíba (cerca de 160 km da capital João Pessoa), tem causado polêmica na web. Isso porque, durante a abertura de um evento da instituição, uma turma de alunos fez uma coreografia de funk usando o Hino Nacional como base musical.

De acordo com reportagem do jornal Extra, o professor Alan Oliveira, de 25 anos, passou a ser alvo de críticas, agressões verbais e tem recebido inclusive ameaças após compartilhar o vídeo da apresentação no Facebook. “São mensagens de racismo, coisas absurdas. Acionei o Ministério Público por conta de um comentário que dizia que os paraibanos são analfabetos. Meu advogado está cuidando disso”, contou Alan.

O professor explica que a ideia de realizar uma apresentação com o hino partiu da coordenação da escola, inspirada em uma coreografia de 2013, com o forró. Na época, não houve nenhuma reclamação sobre o gênero musical associado à canção. Para ele, há preconceito relacionado ao funk. “Tomou uma proporção absurda.

Vi comentários dizendo que eu deveria ser metralhado. Pensei no funk porque os alunos amam o funk. Fiz para atrair os alunos, para que eles participassem. A coordenação da escola me deu carta branca porque conhece meu trabalho”, disse o professor, lembrando que na cidade, “só umas duas ou três pessoas foram contra”.

No Facebook, o vídeo já foi compartilhado mais de 15 mil vezes. Entre os comentários, há até quem defenda a volta da ditadura militar no Brasil. Além de comentários preconceituosos e agressões verbais, a imagem do professor aparece em diversas montagens, como em uma que seu rosto aparece no corpo do terrorista Bin Laden.

“Façam isso na Rússia, Japão, Estados Unidos e Alemanha, que vocês verão o que é ‘liberdade de expressão’ eles vão ser livres em ‘expressar’ a vontade de fuzilar vocês em praça pública”, escreveu um homem no perfil de Alan. “Pra dançar e rebolar a bunda aprende rapidinho, agora estudar, que é bom, nada”, comentou outro.

Na web também há quem defenda

Apesar das críticas, a apresentação dos alunos também tem recebido apoio nas redes sociais.

“Legal a iniciativa. Que a escola brasileira possa cada vez mais se sincronizar com o ambiente na qual ela está inserida, afinal de contas, é muito mais didático ensinar com meios pelos quais os alunos sintam-se mais à vontade e livres para se expressar. E cultura significa o estilo de vida que levamos, se associando o hino ao ritmo de funk tem mais relação com a cultura local (e assim com estilo de vida das pessoas), que assim eles sejam ensinados. (…) Não gosto de funk, mas vejo o funk como mais um estilo popular brasileiro, e se o hino fosse tocado em ritmo de forró? Ou talvez mpb? Seria isso diferente? Enfim, que se possa associar o hino ao axé, funk, sertanejo e assim por diante”, escreveu um jovem.

O que diz a Lei

Muitas pessoas têm argumentado que a atitude de apresentar o hino nacional em ritmo de funk seria desrespeitosa e até mesmo ilegal. Uma campanha para denunciar o vídeo à Polícia Federal foi iniciada, acusando Alan de ferir a Lei 5.700, que dispõe sobre a forma e apresentação dos símbolos nacionais.

Mas de acordo com o presidente da Comissão de Direito Constitucional da Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro (OAB-RJ), Leonardo Vizeu, a interpretação está equivocada e a apresentação dos alunos não pode ser caracterizada como desrespeito ao hino nacional.

“Os símbolos nacionais só podem ser utilizados em cerimônias oficiais. No caso de eventos não oficiais, precisam ser apresentados de forma respeitosa. Mas o que seria desrespeito ao hino? Eu mesmo não gosto de funk, mas vi o vídeo e não tem ato de desrespeito nenhum. Se fosse em ritmo de forró, não falariam nada. O que vi ali é que dentro do gosto deles, fizeram uma homenagem ao hino. É um exercício de liberdade, que evoca a liberdade cultural também”, disse Vizeu.

“Você pode não gostar de funk, mas ouvir funk ainda não é crime no país. Tocar o hino em ritmo de funk não difere em nada do que já foi feito no passado em outros ritmos. Preocupante é ver as pessoas veiculando mensagens de ódio nas redes sociais. Intolerância e falta de respeito com a opinião alheia. Querem o monopólio da verdade e do bom gosto para si. O sentimento de patriotismo é seletivo. A polêmica é resultado da carga de marginalização que o ritmo carrega” finalizou o advogado.

 BOL

Informação e Contato

O Jornal MS é focado em conteúdo de notícias gerais, políticas, policiais, automotivas, tecnológicas, serviços, entretenimento, esportes, além de vídeos compartilhados.

Notícias do Mato Grosso do Sul e do mundo!

Redes Sociais

Categorias mais populares