Vídeos voltar para a home

Pivô do tapa-buraco fantasma diz que fez o que ‘devia ser feito’ Pivô do tapa-buraco fantasma diz que fez o que ‘devia ser feito’

“No meu ponto de vista, eu achava que devia ser feito e fiz”, justifica o encarregado de obras Elton Farias dos Santos, de 32 anos, que é a pessoa que aparece no vídeo divulgado por um porteiro, jogando lama asfáltica em locais onde não havia buracos na pavimentação, em Campo Grande.

Elton disse que tem autonomia para tapar buracos e justifica que rua tinha fissura profunda. (Foto: Marcos Ermínio)

O Secretário de Infraestrutura, Transporte e Habitação, Valtemir de Brito, soube das denúncias e admitiu, à TV Morena, que os fiscais não conseguem realizar este controle em toda a cidade e a fiscalização do serviço, que era feita somente 30 dias após o serviço, será diária.

Segundo ele Farias, buracos já tinham sido tampados e para aproveitar que o veículo que faz a compactação da lama no asfalto já estava andando, passaram também em outros pontos da via.

Santos confirma que nestes pontos onde não havia buracos, o asfalto estava com fissuras, assim como em outros trechos da via. “Aonde tem fissuras vai ter buraco”, diz, colocando o pé em uma delas, que esfarelou. Ele conta que trabalha há 12 anos com pavimentação, mas sem cursos específicos, e que na atual empresa, a terceira em que é contratado, lidera equipe com 10 pessoas, mas no dia em que as imagens foram feitas, havia somente oito.

O trabalhador fala que diariamente recebe os nomes das ruas em que há buracos para serem tampados e que, no dia seguinte, tem que repassar ao superior se o serviço foi realizado.

Ele diz que compreende a indignação da população em relação ao dinheiro público, mas afirma que só foi passada lama asfáltica por conta das fissuras. “O meu dinheiro também está ali. Eu também pago impostos e na rua em que eu moro não tem asfalto”, desabafa.

Santos comenta ainda que constantemente a população filma ou fotografa o trabalho dele tapa-buraco e que não imaginava que a situação fosse dar tamanha repercussão. Ele conta também que foi demitido no primeiro momento por justa causa, se recusou a assinar a demissão e no dia seguinte a empresa desistiu de mandá-lo embora.

Primeiro vídeo

As imagens divulgadas pelo porteiro de um condomínio de Campo Grande, mostra a irregularidade no serviço de tapa-buracos e foi gravado no dia 22 de janeiro na travessa Jornalista Marcos Fernando Hugo Rodrigues, acesso para o Parque dos Poderes. Nas imagens, um funcionário é flagrado despejando material no asfalto e em seguida, o caminhão passa para finalizar o serviço.

Segundo vídeo

Uma mulher que trabalha no bairro Santa Fé fez novas imagens de buracos invisíveis que também estariam sendo reparados por uma empresa. O novo vídeo foi mostrado no MSTV 2ª edição dessa quinta-feira (29).

Nas novas imagens é possível ver quando os trabalhadores da prefeitura jogam o material usado em um local onde, conforme a testemunha, não existem buracos. O vídeo mostra ainda o momento em que a equipe espalha um produto para finalizar o serviço. Farias viu o vídeo e afirma que não é a equipe dele que fez o serviço.

Prefeitura

O secretário informou ainda que o contrato com a Selco Engenharia foi suspenso até que a empresa apresente explicações sobre o flagrante feito.

Atualmente, sete empresas prestam o serviço em Campo Grande. Ao todo, elas recebem R$ 49 milhões ao ano. Os outros contratos também foram paralisados, mas isso não significa que a Selco Engenharia deixará de prestar serviço em Campo Grande, de acordo com o secretário.

Sobre o novo vídeo, Brito afirmou que realmente ele é de ‘caráter duvidoso’ e será investigado para que o município não tome prejuízo.

Serviço

Segundo a Seintrha, sete empresas realizam serviços de tapa-buracos atualmente em Campo Grande, distribuídas em dez regiões da cidade. O volume e o valor dos serviços variam conforme as condições da malha viária, alcançando, em média, 50 mil m² por mês. Campo Grande tem atualmente cerca de 2.100 kms de vias pavimentadas.

Ainda conforme a secretaria municipal, os serviços de tapa-buracos foram “contratados mediante concorrência pública com fundamento nas normas legais (Lei Federal n. 8666/93 e Legislação Complementar)”.

Do G1 MS
Após vídeo com buraco fantasma prefeitura suspende contrato com empreiteira Após vídeo com buraco fantasma prefeitura suspende contrato com empreiteira

Após vídeo mostrando trabalhadores da Selco Engenharia tapando buraco que não existia em uma rua no Parque dos Poderes, a Prefeitura de Campo Grande suspendeu os serviços prestados pela empreiteira até o esclarecimento da denúncia.

Ontem, a empreiteira anunciou que demitiu o funcionário que fez o trabalho e prometeu ressarcir a prefeitura.

Conforme nota oficial divulgada na tarde desta quinta-feira (29), o secretário de Infraestrutura, Transporte e Habitação, Valtemir de Brito, informou que o município vai aumentar a fiscalização em todas as frentes de serviços de tapa buracos.

O secretário reconheceu que o tapa-buracos é um serviço paliativo necessário para manter em condições de tráfego os 2.100 quilômetros de vias pavimentadas da Capital. “Atualmente, sete empresas realizam serviços de tapa buracos em dez regiões da cidade. O volume e o valor dos serviços variam conforme as condições da malha viária, alcançando, em média, 50.000 metros quadrados por mês”, diz a nota.

Leia a nota na íntegra:

“Campo Grande tem hoje cerca de 2.100km de vias pavimentadas (18.900.000m² aproximadamente), uma boa parte sem rede de drenagem e com mais 20 anos de uso.

Os serviços de tapa buracos realizados pela Prefeitura Municipal de Campo Grande – MS, foram contratados mediante concorrência pública com fundamento nas normas legais (Lei Federal n. 8666/93 e Legislação Complementar)

Os preços praticados estão abaixo dos índices do SINAPI (Sistema Nacional de Pesquisas de Custos e Índices da Construção Civil) que prevê R$ 23,18 por m² e R$ 336,60 por tonelada de massa asfáltica (CBUQ). A Prefeitura pratica R$ 17,50 por m² e R$ 204,33 por tonelada/CBUQ.

Atualmente, sete empresas realizam serviços de tapa buracos distribuídas em dez regiões da cidade. O volume e o valor dos serviços variam conforme as condições da malha viária, alcançando, em média, 50.000m² por mês.

O controle das atividades é realizado mediante ordens de serviços e fiscalização do volume de CBUQ aplicado e amostragens in loco nas vias beneficiadas. Vale ressaltar que é responsabilidade da empresa registrar junto ao CREA o nome do engenheiro responsável técnico pela execução dos serviços e comunicar seu nome à SEINTRHA.

A prestadora de serviços Selco Engenharia Ltda, que atua na SEINTRHA desde 2010, foi notificada para esclarecer formalmente a fraude veiculada pela imprensa. – Enquanto isso seus serviços estão suspensos. Vamos esclarecer totalmente as denúncias e, se for o caso, exigir o ressarcimento à Prefeitura aplicando todas as penalidades legais cabíveis.

Diante do vídeo que demonstra a fraude, a fiscalização será mais rígida e presente em todas as frentes de serviços de tapa buraco, visando garantir a qualidade dos serviços.

A Prefeitura de Campo Grande reconhece que o serviço de tapa buracos é um paliativo, que ainda é necessário para a segurança do trânsito e para a proteção ao patrimônio público.

O município tem buscado recursos federais e internacionais, além de receita própria, para promover o recapeamento das principais vias de trânsito da capital. Pelo menos, 60km serão recapeados através do PAC mobilidade e mais 80km serão revestidos em 2015 com recursos de outras fontes.”

Homem confessa homicídio; confira o vídeo Homem confessa homicídio; confira o vídeo

A Polícia Militar foi solicitada a comparecer ao UPA (Unidade de Pronto Atendimento) em Três Lagoas, onde E.F.S (39) foi até o local para se consultar pois estaria com fortes dores pelo corpo e acabou confessando a enfermeira que haveria comedido um homicídio na cidade de Inocência-MS a cerca de um mês.

Após a chegada dos militares a conversa do suspeito tomou outro rumo, o possível autor do homicídio alegou que não teria cometido o crime apenas flagrou sua esposa com um amante e a ameaçou de morte.

Após checagem via COPOM (Central de Operações da Polícia Militar), foi constatado que E.F estaria na condicional por praticar tentativa de homicídio, o autor também possui passagem por embriaguez, perturbação do trabalho, ameaça e vias de fato.

Diante dos fatos o suspeito foi detido e encaminhado ao DEPAC (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) para medidas cabíveis.

Rádio Caçula
Vídeo: Paolla Oliveira aparece seminua em série e causa alvoroço nas redes sociais Vídeo: Paolla Oliveira aparece seminua em série e causa alvoroço nas redes sociais

Atriz está no elenco de ‘Felizes para Sempre?’

Rio – O corpo escultural de Paolla Oliveira causou alvoroço nas redes sociais na noite desta terça-feira. É que a atriz protagonizou cenas quentes ao lado de Maria Fernanda Cândido e Enríque Diaz no segundo episódio da série “Felizes Para Sempre?”, exibida pela Globo. Na trama, Paolla interpreta a acompanhante de luxo Danny Bond, que é chamada ao apartamento de um casal que tenta salvar seu casamento.

“A mulher quer salvar o casamento e chama a Paolla Oliveira? Amiga, você está fazendo isso errado”, escreveu uma internauta. “Lutando diariamente pra aceitar minha barriguinha saliente, chega na timeline e os caras esfregam Paolla Oliveira na minha cara”, brincou uma mulher.

Esta não é a primeira vez em que Paolla Oliveira tira a roupa em cena. Em 2008, a atriz também mostrou suas curvas no longa “Entre Lençóis”, do diretor colombiano Gustavo Nieto Roa, em que atuava com Reynaldo Gianecchini.

O DIA

Repórter é preso durante transmissão ao vivo em Curitiba Repórter é preso durante transmissão ao vivo em Curitiba

Provavelmente, um repórter nunca foi tão realista ao exibir uma matéria como a que foi ao ar no Programa 190, exibido pela CNT, na terça-feira (20).

Iverson Vaz estava fazendo uma transmissão ao vivo do caso da explosão de um caixa eletrônico no bairro de Cajuru, em Curitiba, quando um policial se aproximou e disse que eles estavam invadindo a área de isolamento.

O repórter falava com o apresentador Roberto Aciolli quando foi cercado por policiais militares e orientado para que deixasse a área isolada. Ele obedeceu a ordem policial e caminhou até o cordão de isolamento.

Em seguida, já fora da área isolada, o repórter criticou o tratamento recebido pelos policiais militares, que então retornaram e deram voz de prisão ao jornalista.

As imagens, que estavam sendo exibidas ao vivo para todo o Paraná, mostram o momento em que um dos policiais tira o celular da mão do repórter, enquanto outros dois o seguram.

Iverson foi encaminhado ao 6.º Distrito Policial, no próprio bairro.

Terra
Vídeo mostra agressão brutal contra dois homossexuais em posto de gasolina Vídeo mostra agressão brutal contra dois homossexuais em posto de gasolina

Jovens foram agredidos com golpes de facão.Acusado pelo ato de violência homofóbica foi preso nesta quarta-feira

Dois jovens homossexuais escaparam por pouco da morte ao sofrer um brutal ataque homofóbico em um posto de gasolina. O crime aconteceu na noite do dia 23 de dezembro em Gramado, Rio Grande do Sul. O acusado foi preso nesta quarta-feira pela Polícia Civil gaúcha após duas semanas de investigação.

O vídeo divulgado pela polícia mostra o momento em que o agressor deixa o táxi e vai ao encontro das vitimas desferir os golpes. O acrobata Cainã Klemann, 23 anos, sofreu golpes de facão nas costas e o gerente de projetos Matheus Seixas,20, foi atingido com três facadas na cabeça que provocaram cortes profundos. Ele precisou tomar cinco pontos.

“Foi terrível. Eu nunca imaginei que pudesse acontecer uma coisa dessa aqui em Gramado, disse Matheus à emissora de televisão gaúcha RBS. Cainã, por sua vez, contou no depoimento que o agressor estava fora de si e teria se incomodado com um outro grupo de jovens que teria brincado com ele, dizendo que tinha a voz feminina. O homem deixou o local e voltou ainda mais transtornado gritando que “iria mostrar que é homem e fazê-los virar homem”.

“Ele disse que iria matar a gente. Achei que meu amigo iria morrer, Pois nunca vi uma cena tão horrível. Nunca vi tanto sangue!! Foi horrivel”, disse o acrobata à reportagem do Blog LGBT do Dia.

Foto antes da agressão. Cainã (à esquerda) foi atingido com golpes de facão nas costas e Matheus ( de camisa rosa), na nuca

O delegado Gustavo Bernardes, da delegacia de Gramado,indiciou o acusado por homicídio duplamente qualificado por motivo torpe, motivado pela orientação sexual dos rapazes, e por não dar chance à defesa. Caso fique comprovado que o taxista que aparece nas imagens facilitou a fuga do criminoso, ele também será indiciado.

Em sua pagina no Facebook, Cainã comemorou a prisão do agressor.

“Então queria agradecer a todos pelo apoio e principalmente à delegacia de Gramado por prender uma pessoa assim, e dizer que eu e o Matheus Maciel Seixas estamos muito bem, e também muito feliz pela justiça ter sido feita, que muitos falaram que não iria dar em nada, não deu em nada, apenas essa pessoa sem luz pode ficar até 20 anos preso, por mim pode ficar o resto da vida! Somos gays sim e sempre vamos ser!”

O DIA
Zagueiro Dedé Briga com Irmão no meio da rua Zagueiro Dedé Briga com Irmão no meio da rua

Zagueiro do Cruzeiro teve problema com o parente durante as férias em Volta Redonda

Dedé se envolveu em uma confusão durante as férias em Volta Redonda, sua cidade natal, com o irmão e o vídeo da briga entre os parentes ganhou as redes sociais na noite desta segunda-feira. Após a repercussão do filme, o zagueiro do Cruzeiro se pronunciou e justificou o problema com o familiar.

Nas imagens reproduzidas na internet, dá para ver o defensor trocando socos e ofensas com o irmão Gleidson enquanto outra pessoa ajuda o Mito, como o atleta é conhecido, a agredir o parente, que está imobilizado no chão.

Por meio de um comunicado, em sua página oficial no Facebook, o jogador explicou a situação e contou o que houve para que ele perdesse a calma com o próprio irmão a ponto de agredi-lo em público.
Confira, abaixo, a nota de Dedé na íntegra:

“Mesmo depois da fama continuei sendo um cara simples e humilde. Quem me conhece sabe da minha personalidade. Uma pessoa que assume quando erra, que fica feliz quando pratica o bem, que torce pelos amigos. Sou um Dedé transparente.

Quero deixar claro a todos que, infelizmente, como mostra um vídeo que ganhou repercussão na internet, sou eu envolvido em uma discussão. A pessoa que está caída é meu irmão Gleidson, que não é taxista, como disseram. Essa discussão entre nós aconteceu em Volta Redonda, após ele agredir verbalmente uma pessoa, dentro de um restaurante. Após chamar a atenção dele, fui agredido com um tapa pelo próprio irmão, no qual acabou perfurando meu tímpano.

Imediatamente, um amigo tomou as dores e quis agredí-lo e tudo que eu fazia no momento do vídeo, já na parte de fora do estabelecimento, era tentar separar a briga. Inadmissível a atitude dele e, como não havia sido a primeira vez, a raiva, como não deveria acontecer, superou os limites da serenidade.

Peço desculpas sinceras à pessoa que foi xingada pelo meu irmão e a quem mais presenciou este vídeo. Isso não é exemplo e aconteceu pela simples vontade de praticar o bem”, escreveu o atleta.
Notícias com: Cruzeiro

LANCEPRESS!
Vídeo mostra atiradores atacando policial após atentado à revista francesa em Paris Vídeo mostra atiradores atacando policial após atentado à revista francesa em Paris

Um vídeo publicado no Facebook mostra os supostos atiradores que atacaram a sede da revista Charlie Hebdo atirando em um policial que tentou capturá-los.

O atentado ocorreu na manhã desta quarta-feira, em Paris. O usuário que publicou o vídeo retirou as imagens de seu perfil logo em seguida.

No vídeo, é possível identificar de onde a gravação foi feita.

Nas imagens, dois homens encapuzados e armados saem de um carro parado no meio da rua para atacar o policial que estava indo na direção deles.

Os atiradores ainda se aproximam do oficial para atirar novamente, apesar do sinal que ele faz pedindo para pararem. A dupla ainda procura se há mais pessoas na rua, volta ao carro e vai embora.

Outros vídeos mostram pessoas correndo nas ruas próximas à sede da revista e também pessoas refugiadas no telhado de um prédio próximo. Clique aqui para assistir.

Na manhã desta quarta-feira, dois homens encapuzados invadiram a sede da revista Charlie Hebdo, em Paris, e mataram ao menos 11 pessoas, segundo a imprensa francesa.

Ao menos um jornalista e dois policiais foram mortos, segundo informações oficiais da polícia. Mais sete pessoas teriam ficado feridas, incluindo outros três policiais.

Em 2011, a Charles Hebdo publicou charges do profeta Maomé, o que despertou a ira de alas muçulmanas radicais, e acabou sofrendo um atentado a bomba.

EXTRA
Repórter inala fumaça com drogas durante gravação e tem crise de riso Repórter inala fumaça com drogas durante gravação e tem crise de riso

Cerca de 8,5 toneladas de heroína, haxixe e ópio estariam sendo destruídas no local

O correspondente da BBC no Oriente Médio, Quentin Sommerville, passou por uma situação inusitada. Durante uma queima de drogas que foram apreendidas, no Afeganistão, o jornalista inalou tanta fumaça que acabou agindo de maneira estranha e teve uma crise de riso.

O vídeo começa de forma séria, com o jornalista próximo a uma fogueira repleta de drogas. Cerca de 8,5 toneladas de heroína, haxixe e ópio estariam sendo destruídas no local. Em pouco tempo, Quentin perde a concentração e começa a gargalhar devido a inalação da fumaça.

A cena aconteceu quatro anos atrás, mas o vídeo só caiu na rede há pouco tempo. O repórter da BBC ainda chegou a publicar no próprio Twitter “Merecem uma gargalhada de natal às minhas custas”, mas a publicação foi apagada logo em seguida.

O DIA
Vídeo mostra momento em que policial militar é executado no Rio de Janeiro Vídeo mostra momento em que policial militar é executado no Rio de Janeiro

Ari Rodrigues Pestana Junior, do 41ºBPM (Irajá), foi morto na última sexta-feira, enquanto lavava seu carro na porta de casa

Rio – Agentes da Divisão de Homicídios (DH) da Capital seguem investigando a morte do policial militar Ari Rodrigues Pestana Junior, de 35 anos. Lotado no 41ºBPM (Irajá), ele foi executado na porta de casa, na Rua Eça de Queiroz, em Olaria, no final da tarde da última sexta-feira. Um vídeo enviado para o WhatsApp do DIA (98762-8248), mostra o momento em que duas pessoas, por volta das 18h25, chegam num carro prata e atiram contra o policial. Mesmo aparentando já está morto, Ari Rodrigues foi baleado diversas vezes.

Segundo as imagens, toda a ação aconteceu em questão de segundos. De acordo com os policiais do 16ºBPM (Olaria), no local do crime foram encontradas mais de 20 cápsulas de pistola calibre 380 e 9 mm. Ari Rodrigues seria filho de um coronel reformado da corporação. A Divisão de Homicídios investiga o crime.

O DIA

Informação e Contato

O Jornal MS é focado em conteúdo de notícias gerais, políticas, policiais, automotivas, tecnológicas, serviços, entretenimento, esportes, além de vídeos compartilhados.

Notícias do Mato Grosso do Sul e do mundo!

Redes Sociais

Categorias mais populares