Dúvidas mais frequentes sobre o FIES

O FIES é um dos maiores programas de financiamento do Governo Federal, o financiamento estudantil é uma válvula de escape para aqueles candidatos que desejam ingressar no curso de nível superior, porém não tem condições de arcar com o valor integral do curso.

Sendo assim o candidato (a) que consegue o financiamento estudante durante todo o curso sem custo algum, somente pagando pequenas taxas e ao final do curso o candidato tem duas vezes o tempo do curso para realizar o pagamento do seu financiamento depois de formado.

Financiar a faculdade com o FIES
Financiar a faculdade com o FIES

Por ser um financiamento de processo burocrático, muitos candidatos ficam na dúvida em relação a diversas questões sobre o FIES 2018. Confira as duas a seguir:

O FIES exige um fiador?

Sim, a contratação do FIES exige FIADOR nos seguintes casos, estudantes em curso de licenciatura, beneficiários do Prouni com bolsa parcial de 50%.

Proprietário de empresa, pode contratar o FIES?

Sim, não há restrição alguma enquanto ao financiamento para estar categoria.

Já participei do FIES anteriormente, quitei toda a minha dívida, posso contratar o FIES novamente?

Não, o MEC não permite que o estudante seja beneficiado duas vezes com o financiamento.

Sou aluno com bolsa de 50% no Prouni, posso contratar o FIES?

Sim, você pode financiar os outros 50% pelo o FIES.

Enquanto ao processo de inscrição o estudante com restrição cadastral pode realizar a contratação do FIES?

Pois bem, essa dúvida é muito comum entre os candidatos, não há uma exigência idoneidade cadastral. Para comprovar, será necessário apresentar os documentos solicitados no processo de inscrição para a instituição de ensino.

Já tenho o financiamento pelo o FIES, mais quero mudar de curso, isso é possível? Posso mudar de curso e continuar com o financiamento?

É possível mudar de curso e continuar com o financiamento do FIES, desde que o candidato atenda as regras de contratação do programa.

Não fiz o ENEM, posso participar do FIES?

Não, o financiamento só é aceito, desde que o candidato tenha realizado o ENEM a partir de 2010 e tenha nota superior a 450 pontos, que não tenha zerado a redação.

Quais são as fases de pagamento do financiamento FIES?

Essa é uma das dúvidas mais procuradas nas páginas de busca da internet, como funciona o pagamento do FIES. O pagamento do FIES acontece em apenas 3 fases, sendo elas a utilização, carência e amortização.

A fase do pagamento de utilização é realizada no período do curso, o estudante terá que pagar a cada 3 meses um valor simbólico referente aos juros do financiamento, através de boleto gerado pelo portal Sisfies. Após a conclusão e a formação do curso o estudante passar pela a fase de carência, aonde o mesmo pagar parcelas trimestrais.

A amortização é a fase em que ser encerra o período da carência do estudante, soma-se todo o saldo devedor que é parcelado em até 3 vezes o período total do curso.

Através do FIES diversas pessoas conseguem realizar o sonho de cursa o nível superior, é um financiamento hoje de extrema importância no Brasil, pois possibilita a inclusão de muitas pessoas de variadas classes facilitando a forma de pagamento do curso.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *